Clipping
17.03.22

“Aumentar a produtividade e fazer isso com sustentabilidade”

Realizado em 9 de março de 2022, o primeiro “Diálogo sobre a sustentabilidade e a rastreabilidade das cadeias da carne bovina e do couro” teve como foco “O papel da análise prévia de conformidade e risco (due diligence) na regularização das cadeias de valor da carne e couro”. A ação faz parte de uma iniciativa maior financiada pela União Europeia, através do Programa AL INVEST Verde, em parceria com o IPAM (Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia).

O diálogo reuniu, em formato virtual, mais de 40 atores relevantes, representando o setor público brasileiro (no âmbito federal e estadual), a Comissão Europeia, organismos internacionais, atores do mercado das cadeias de valor da carne bovina e do couro (frigoríficos, varejistas, importadores), agentes de certificação, academia e sociedade civil da Europa e do Brasil.

Neste primeiro diálogo técnico, os participantes apresentaram seu entendimento sobre os desafios e oportunidades na implementação da análise das cadeias da carne bovina e do couro como ferramenta para melhorar a sustentabilidade e reduzir o desmatamento. Após uma introdução sobre o processo e os recentes desenvolvimentos regulatórios na União Europeia e no Brasil, os participantes discutiram a relevância e o impacto do processo de due diligence nessas cadeias e potenciais canais de cooperação.

Os participantes destacaram a relevância da discussão para a economia ligada à pecuária e aos compromissos para mitigar as mudanças climáticas e reduzir o desmatamento. Ressaltaram a importância de se conhecer as origens e a complexidade da questão do desmatamento no Brasil, além da necessidade de parcerias público-privadas para a implantação de sistemas de rastreabilidade que permitam rastrear os produtos, desde a fazenda até os consumidores. O diálogo também se concentrou em como a ferramenta de due diligence deve se adequar às condições específicas de cada cadeia de valor e na importância de adotar medidas que incentivem os agricultores a aumentar a produtividade e proteger as florestas nativas.

Fique por dentro

O objetivo geral desta iniciativa é contribuir para a identificação e promoção de práticas coletivas e parcerias entre os principais stakeholders para fomentar a sustentabilidade das cadeias de valor da carne bovina e do couro. Os próximos dois diálogos ocorrerão no primeiro semestre de 2022. No dia 20 de abril, o encontro discutirá o acesso à tecnologia para a sustentabilidade nas referidas cadeias e, no dia 18 de maio, os participantes discutirão a rastreabilidade como ferramenta para melhorar a sustentabilidade. Os resultados desses diálogos serão apresentados em um evento final, aberto ao público, em junho de 2022.

*Artigo publicado originalmente no portal do IPAM.

Comunicação GTPS

comunicacao@gtps.org.br

+55 (11) 98945-5217